Primeiras impressões de Röki um conto escandinavo

Primeiras impressões de Röki um conto escandinavo

Nossas impressões de hoje é sobre o jogo Röki, desenvolvido pela Polygon Treehouse e distribuído por United Label e CI Games, que nos levará ao mais profundo conto dos folclores escandinavos. Assista nossa gameplay inicial para PC.

Vamos conhecer a história deste incrível jogo indie de aventura “Röki” e descobrimos que seus contos populares do folclore escandinavo, agem entre a linha da beleza dos cenários e os monstros horripilantes.
O jogo de aventura é no estilo “Point and Click” que se passa na maior parte em um cenário invernal, com pequenas aldeias e grandes paisagens. 

O jogo conta com um cenário muito imersivo, a todo momento parece que somos observados por alguma criatura da floresta através das silhuetas de árvores ou figuras de madeira esculpidas ladeando os dois lados da tela. Nossa história começa com uma garota chamada Tove e seu irmão hiperativo Lars, brincando na neve enquanto anoitece e chega a hora de ir para casa, chegando lá nosso pai está dormindo e sonhando com a falta de nossa mãe. 

Começamos a preparar o jantar para não atrapalhar seu descanso. Após jantarmos, levamos seu irmão ao banheiro, ele tem muito medo de corvos que cercam a casa, então isso se torna um desafio. Voltando para casa contamos uma história clássica da região para a criança dormir. Quando menos esperamos a casa é atacada por um monstro gigante que acaba soterrando nosso pai nos escombros. Iniciando nossa jornada em busca do seu irmão mais novo, depois que ele é sequestrado por um monstro misterioso chamado Röki.

Jogabilidade simples e desafios imersivo 

A mecânica do jogo é simples, aprendendo nos primeiros minutos do jogo, como utilizar para ilumina os itens do cenário que podem ser usados, muitos deles contém peças que podem ser combinadas para prosseguir na missão. 

Ao longo do trajeto é possível ir descobrindo novas informações e anotando as mais importantes em seu diário, além de mapear os locais visitados, é uma parte essencial do jogo. O diário também serve como uma ferramenta para aprender mais sobre o folclore por trás do jogo e algumas das anotações de suas tristezas e solidão. O jogo é repleto de enigmas e desafios que o jogador terá superar. A música do jogo é bem relaxante e nos cativa para seguir na busca implacável de Lars, já em momentos tensos as músicas são sombrias, realmente dão medo e nos forçam a ter cautela a cada passo.

Embarque nesse jogo inspirado no folclore escandinavo que se aproxima bastante de um conto de fadas contemporâneo sombrio que será lançado ao mesmo tempo, no PC, nas plataformas GOG e Steam, no dia 23 de julho e posteriormente em outras plataformas como Nintendo Switch.

  • Lançamento: 23/7/2020
  • Plataforma: Nintendo Switch, PC
  • Preço sugerido: —
  • Classificação indicativa: Para maiores de 12 anos
  • Desenvolvimento: Polygon Treehouse
  • Publicação: United Label, CI Games

Röki: Os gráficos e músicas são realmente incríveis, no entanto, somos dominados por muitos m,omentos de lentidão, de fato, toda proposta da aventura é ser algum sentimental de superação sem apresentar grandes momentos de ação.chubbs
8
out of 10.
2020-07-22T21:04:00-0300

Gamernéfilos, comente aqui!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.