Primeiras impressões de ‘Superliminal’ no Nintendo Switch

Primeiras impressões de 'Superliminal' no Nintendo Switch

Superliminal é um jogo de quebra-cabeças que simula reações psíquicas desenvolvido e publicado pelo estúdio Pillow Castle. O jogo foi lançado primeiramente para PC em 2019 e chegando ao Switch neste mês de julho. Em nossa gameplay consideramos um jogo desafiador, no entanto, deixam algumas pontas soltas na trama. Assista o vídeo abaixo:

Você já teve aquela sensação estranha de acordar de um sonho quando, ainda está sonhando? — No estilo do longa “A Origem” de Christopher Nolan. Esse sentimento desorientador é a sensação que “Superliminal” consegue simular com perfeição. No game seus olhos te enganam fácil, tudo é uma questão de perspectiva!

O inicio


No início do jogo somos apresentados a um experimento que trabalha com o sono das pessoas, esse sistema foi criado pelo Dr. Glenn Pierce chamado de ‘Programa de Terapia do Sono’ ou mais conhecido como SommaSculpt que mistura uma leve dimensão psicológica dando uma experiência de sonho lúcido.

O Dr. Pierce oferece seus serviços a pessoas que lutam com a dúvida, a inveja e outras emoções negativas enraizadas na ansiedade social. “Perspectiva é tudo”, é uma frase que se repete ao longo do programa de Pierce. Quando o jogo começa, a personagem “acorda” em uma clínica pronta para participar desse programa experimental de terapia dos sonhos, mas rapidamente fica claro que ele está preso em sua própria mente. Todo o tempo uma voz feminina acompanha o jogador, como narradora e com comentários sarcásticos  — Parecida com aquela voz de “Portal”; caso acesse locais proibidos do experimento, ela não será nada gentil.

Gráficos simples e objetivos

Os gráficos são muito realistas e cria uma atmosfera tão real que começa a mexer com sua mente. A jogabilidade é super simples, praticamente utilizando dois botões apenas, em Superliminal um objeto que parece gigantesco à distância pode, quando visto de uma distância mais próxima, ser muito menor, enquanto algo que parece sólido de um ângulo pode parecer a sombra de outro então é com essa mecânica, conforme avançamos no jogo utilizando os objetos como rampas, pesos para botões entre outras funções. Encontramos uma sala com um sinal de saída, mas sem saída. Ao pegar o sinal de saída na parede e levantá-lo no ar e gradualmente aumentá-lo, até que o letreiro seja grande o suficiente para ser usado como uma rampa que pode ser apoiada contra uma parede, permitindo que alcance as portas e prossiga para a próxima sala.

Não há muita trilha sonora, mas as músicas e sons do ambiente de Superliminal criam um clima assustador.

Os desafios alguns são complexos e outros simples, é um game para desafiar suas percepções e pensar se vivemos dentro de um mundo experimental ou não.

Superliminal: Muitas vezes você passa um bom tempo preso tentando descobrir como prosseguir, seria interessante dicas, mesmo que limitadas.chubbs
7.5
out of 10.
2020-07-19T14:42:21-0300

Gamernéfilos, comente aqui!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.