A Edição Deluxe de Sonic Colors Ultimate foi liberada na última sexta-feira (3), para os usuários que adquiriram o jogo em antecipado no PS4 e Nintendo Switch. Porém, a hashtag “Switch” e “Sonic” dominaram o trending topics no twitter, com jogadores questionando a versão para o console híbrido da Nintendo.

Com exaustivos comentários negativos sobre “glitches – falhas no jogo” que estariam ocorrendo exatamente no Nintendo Switch. Além disso, um jogo apresentar bugs é normal em determinadas circunstâncias, o problema é que diversos erros, não era exatamente rodando direto no Switch. Mas sim, em emuladores que suportam jogos do Switch, passando a impressão que Sonic Colors Ultimate estaria não jogável. Ou seja, um novo Cyberpunk nostálgico, contudo não foi bem isso. Mesmo que o Switch não esteja sem falhas na execução do jogo, os erros mais bizarros são do emulador. Veja abaixo alguns dos supostos problemas de performance:

Nota: Vale lembrar que os problemas citados ocorrem apenas na versão do Switch, a do PC e PS4 estão funcionando sem bugs questionáveis.

Os relatos são desde problemas na programação, paredes invisíveis, personagem flutuando no cenário, entre outros glitch. Felizmente, para os fãs do ouriço mais rápido dos games, esses problemas vem sendo desmentidos nas redes sociais.

Um usuário publicou no Twitter, vídeo com compilado provando que os problemas são do próprio emulador, e não apenas do console.

Não é possível afirmar se são usuários mal-intencionados para publicar esses vídeos, ou se acreditam que também no console da Big N, esses bugs também ocorram.

A remasterização foi muito aguardada pelos fãs que tiveram a chance de jogar pela primeira vez ainda no Wii, e agora os jogadores do PS4 e Switch, vão reviver esta nostalgia.

Por fim, a Sega lançará o remaster de Sonic Colors Ultimate em 7 de setembro para PS4, Xbox One, Switch e PC.

Gamernéfilos, comente aqui!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.