Final Explicado Better Call Saul quem morreu
Better Call Saul (Divulgação / AMC)

Se encerrou nessa terça, 16 de agosto, a série Better Call Saul, e mais abaixo, temos o final explicado, esmiuçando o grande fim da série.

O episódio final revelou o que aconteceu com Saul Goodman (Bob Odenkirk) e Kim Wexler (Rhea Seehorn), além de participações especiais.

Final Explicado de Better Call Saul

No penúltimo episódio, Saul foi forçado a fugir depois que o motorista de táxi Jeff (Pat Healy) foi preso após um golpe que deu errado e sua mãe Marion (Carol Burnett) descobriu quem Saul realmente era, e acabou chamando a polícia.

Saul conseguiu escapar por um curto período, mas acabou sendo encurralado e, quando tentou se esconder em uma lixeira, foi preso e levado pela polícia e sob custódia.

Sem perder tempo, Saul ligou para Bill Oakley (Peter Diseth) para ajudá-lo a representá-lo em seu caso como co-advogado, e ele se reuniu com a polícia para discutir sua sentença.

Lá ele acabou se encontrando com a viúva de Hank Schrader, Marie (Betsy Brandt), que compartilhou como seu apoio a Walter White (Bryan Cranston) impactou a vida dela e da viúva de Steve Gomez, Blanca.

Saul explicou que foi ameaçado para ajudar Walt e Jesse Pinkman (Aaron Paul) e alegou que se escondeu por medo deles, não da polícia. No final, ele conseguiu convencer a promotoria a fazer um acordo com ele, reduzindo sua pena para apenas sete anos de prisão.

Na audiência, no entanto, Saul decidiu mudar de tática após saber que Kim já havia confessado tudo o que aconteceu antes da morte de Howard Hamlin (Patrick Fabian) nas mãos de Lalo Salamanca (Tony Dalton).

Como vimos no penúltimo episódio, Kim fez uma declaração juramentada onde revelou como Howard foi assassinado por Lalo e o crime foi encoberto, e ela e Saul sabiam disso e ficaram quietos por medo de suas vidas.

A fim de proteger Kim de ser processado pela viúva de Howard, Saul confessou tudo em sua audiência.

Enquanto Kim assistia, Saul reverteu sua declaração anterior sobre ter sido ameaçado por Walt e Jesse e admitiu que Walt teria morrido ou ido para a prisão se não fosse por ele. Ou seja, ele se assumiu como o ‘fera’ da história, para não falar outra coisa.

Tivemos ainda flashs com Chuck e Walter, que mexeram os sentimentos dos fãs.

Assumindo total responsabilidade em seu julgamento, Saul foi condenado a 87 anos de prisão. Ao ser levado para a prisão, os companheiros de prisão de Saul o reconheceram imediatamente e cantaram “Better Call Saul” em referência aos seus anúncios sobre ajudar a dar justiça a criminosos como eles.

O show terminou com Kim visitando Saul na prisão, e os dois compartilharam um cigarro como costumavam fazer quando eram casados ​​e falaram sobre o futuro. Ao discutir sua sentença de 87 anos, Saul disse que “com bom comportamento” ele pode sair mais cedo.

Nos momentos finais do episódio e da temporada, Kim e Saul olharam um para o outro do outro lado da cerca da prisão, e enquanto Kim continuava a olhar para ele enquanto se afastava, Saul assistiu até ele sumir de vista, fazendo famoso gesto atirando de mentira.

Por fim, assista ao episódio 13 da 6ª temporada (6×13) de Better Call Saul agora, na Netflix.

A cobertura completa da série, com críticas e trailers, você acompanhou aqui no MeUGamer!

Você também pode acompanhar o MeUGamer nas redes sociais: Instagram, Twitter, e se inscrever no nosso canal do YouTube.

icon

Gamernéfilos, comente aqui!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.