Sony e Crunchyroll

De acordo com o site Nikkei Asia, nesta Sexta-feira (30 de Outubro) a Sony entrou em negociações finais para adquirir a “Crunchyroll” (serviço de Streaming de Animes dos Estados Unidos). A Sony pode acabar gastando mais de 100 Bilhões de Ienes (US$ 957 milhões) no Streamer dos EUA (Estados Unidos), ganhando seus 70 Milhões de Membros (assinantes) em todo o mundo.

Vale lembrar que a Sony tem seu próprio anime popular “Kimetsu no Yaiba” (“Demon Slayer”), mas o tem licenciado para Serviços de Streaming. Além disso, tem o Aniplex da Sony, o estúdio por trás de “Kimetsu no Yaiba”, que tem uma variedade de conteúdo, incluindo filmes e música, que é distribuído principalmente por empresas estrangeiras.

Se a aquisição for realizada, a competição global por conteúdo entre empresas como Netflix e Hulu se intensificará.

Após adquirir a Funimation, distribuidora de Animes, em 2017, a Sony conquistou 1 Milhão de assinantes pagantes, principalmente nos EUA, mas esbarrou em obstáculos para expandir essa base de clientes.

A Crunchyroll tem 70 Milhões de membros gratuitos e 3 Milhões de assinantes pagantes em mais de 200 Países e Regiões, incluindo os EUA (Estados Unidos) e a Europa. A Crunchyroll também daria à Sony mais de 1.000 Títulos que ela pode usar para variar suas ofertas.

A receita operacional total da Sony com Games, Música e Filmes deve chegar a US$ 4,79 Bilhões no ano fiscal encerrado em Março, representando 60% do total do grupo. A empresa antes conhecida por TVs Trinitron e aparelhos Walkman cresceu e se tornou um colosso do entretenimento que planeja fortalecer este lado de seus negócios com base na base de membros da Crunchyroll.

Com o coronavírus convencendo as pessoas ao redor do mundo a se divertir em casa, a demanda por serviços de distribuição de vídeo está crescendo e a competição por conteúdo popular está se intensificando. a Netflix, maior Serviço de Streaming, está formando alianças com estúdios de animação, enquanto a Disney no ano passado pegou sua biblioteca super popular e começou seu próprio Serviço de Streaming. De acordo com a The Association of Japanese Animations (A Associação de Animações Japonesas), o mercado global de anime em 2018 valia cerca de US$ 21 Bilhões, 1,5 Vezes o de cinco anos antes. O mercado externo responde por quase metade da demanda total.

O que vocês acham dessa possível aquisição da Sony? Será que ela vai mesmo adquirir a Crunchyroll? Fiquem ligados aqui no site!

Você também pode acompanhar o MeUGamer nas redes sociais: Instagram, Twitter, e se inscrever no nosso canal do YouTube.

icon

Gamernéfilos, comente aqui!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.