O game Valheim, desenvolvido pelo pessoal do Iron Gate AB e distribuído pela Coffee Stain Publishing, teve seu Acesso Antecipado lançado no dia 02 de Fevereiro de 2021 para PC (via Steam). Desde o lançamento de seu Acesso Antecipado o título vem conquistando cada vez mais e mais jogadores ao redor do mundo, atualmente Valheim superou a marca de 5 Milhões de Cópias Vendidas, em apenas Um Mês Após Seu Lançamento (um feito histórico), e conta com picos de até 500 Mil Jogadores Simultâneos no Steam. Nós do site MeuGamer não poderíamos ficar de fora dessa e trazemos agora para vocês nosso Review, espero que gostem!

OBS: Como o game Valheim se encontra em fase de Acesso Antecipado é natural que Bugs, Queda de Desempenho, Crashes e Conteúdos Incompletos existam. Vale ressaltar que o game está passando por diversas Atualizações durante este período, seja para implementar Conteúdo Novo ou simplesmente para Corrigir/Melhorar algo. Enfim, tenham em mente que o Acesso Antecipado não representa o Produto Final e muito do Conteúdo apresentado até agora pode sofrer alterações ou nem mesmo existir na Versão Final.

Aviso Importante: O site MeuGamer atualmente conta com um número interessante de Autores, os mesmos atuam de maneira livre em Artigos Autorias, Notícias (games, séries, cinema, tecnologia e etc), Previews e Reviews. Falando única e exclusivamente por mim, gostaria de deixar claro que não compactuo com a prática de Spoilers em meus Previews e Reviews, sendo assim, vocês podem ler tranquilamente, pois, este Review mesmo contendo muitos detalhes, não apresenta informações de Enredo (História) que possam prejudicar a sua experiência.

Confira abaixo nossa Gameplay de 1 Hora (sem comentários) do Acesso Antecipado de Valheim:

Valheim

O Enredo gira em torno de um guerreiro morto em batalha, as Valquírias levaram sua alma para Valheim, o Décimo Mundo Nórdico. Cercados por Criaturas do Caos e Antigos Inimigos dos deuses, os jogadores assumem o papel do mais novo Guardião do Purgatório Primordial, encarregado de matar os antigos rivais de Odin e trazer ordem para Valheim.

O título é um Game Brutal de Exploração e Sobrevivência (para 1 ou até mesmo 10 jogadores), ambientado em um Purgatório gerado de forma Procedural, inspirado na Cultura Viking. Batalhe, Construa e Conquiste Glória em uma saga digna da benção de Odin!

A Liberdade Viking e Suas Consequências

Assim que os jogadores começam o game já se nota a gigantesca extensão do Purgatório Primordial, lugar que conta com Prados, Planícies, Pântanos, Florestas, Montanhas e Mares. Uma vastidão incrível onde a maioria dos iniciantes se perdem à primeira vista! Esse mundo maravilhoso e cativante ainda apresenta outra característica bem interessante (comum nos RPG’s de hoje em dia), o fato de tudo ser gerado Procedural. Nada é (ou fica) do mesmo jeito, por exemplo, a minha Gameplay será completamente diferente da sua que está lendo esse Review, aspectos do game como Inimigos, Animais (para a caça) e Itens, também são completamente aleatórios.

O foco do título consiste em os jogadores cumprirem a tarefa de Odin, se livrar das Criaturas do Caos (que nem mesmo os deuses ousam desafiar), e trazerem paz para Valheim. Claro que no meio desse Enredo Incrível, teremos muita Exploração, Sobrevivência e Crafting (Construção), no entanto, falarei melhor disso no tópico abaixo. Voltando às Criaturas do Caos (Bosses ou Chefes se preferirem), elas se encontram em Biomas específicos (Prados, Planícies, Pântanos, Florestas, Montanhas e Mares, os mesmos que citei à cima) e cada qual conta com suas Características e Habilidades Únicas.

As Batalhas contra essas bestas são muito movimentadas e eletrizantes, os jogadores precisarão se adaptar ao estilo de cada Criatura do Caos com muita paciência. Aqui será preciso desenvolver uma estratégia diferente para cada uma delas. O Sistema de Batalha presente no game é muito bom, os controles respondem bem e toda a ação é fluída, o que garante confrontos épicos.

Tudo isso é muito incrível, porém, eliminar as Criaturas do Caos traz um fardo muito grande e pesado. Traz Consequências! Após eliminar qualquer uma dessas bestas a ordem natural do Purgatório Primordial tende a sair de seu equilíbrio, Lugares Seguros podem deixar de ser seguros, Inimigos que não atacavam podem começar a atacar, os que já atacavam podem mudar seu território (até mesmo expandi-lo) e sua Fortaleza (Habitação) pode ser Sitiada (invadida e destruída) com maior frequência. O pessoal do Iron Gate AB acertou em cheio com essa Dinâmica que ao mesmo tempo em que pode ser maravilhosa, também pode ser infernal. Simplesmente fantástico!

O grande Q da Questão é o fato que Valheim encoraja essa prática, já que derrotar as Criaturas do Caos (os Chefes se preferirem) fornece aos jogadores acesso a mais Ferramentas para criar Armaduras, Fortalezas (Habitações) ou até mesmo Equipamentos de Fabricação Melhores.

Os Mesmos Problemas do Mundo Real

Em minha Gameplay senti que o pessoal do Iron Gate AB, no desenvolvimento de Valheim, quis (teve a ideia de) trazer uma abordagem bem direta aos Dilemas (Desmatamento, Consequências de Ações, Sobrevivência, Desequilíbrio e etc) do Mundo Real para os jogadores. Seja apenas Sobrevivendo (a Fome ou Frio, esses elementos também estão presentes) ou Explorando e Construindo (Habitações), as mudanças são drásticas e bem visíveis. Em suma, a exaustão de Recursos Naturais (Madeira, Animais e Minerais) também gera Consequências. É algo bem presente no título, algo que marca muito!

A Exploração é outro aspecto muito interessante do game, graças a esse fator (e um mundo extremamente vasto) os jogadores poderão contar com muitas horas de Gameplay, mas muitas horas mesmo! O título apresenta uma boa variedade de Biomas (lugares) cada qual com suas próprias características, por exemplo, as Montanhas (se comparadas com as Florestas e Pântanos) são um lugar onde existem ventos fortes com grande frequência, por tanto, o frio predomina na área e tentar se aventurar ali sem uma Armadura (Vestimenta) adequada não é recomendado. Outro Bioma que não pode ser explorado de início é o Mar, pois, se faz necessário o uso de uma Jangada ou Barco, o que nos leva a mais uma Dinâmica muito bem trabalhada pelos desenvolvedores, o Crafting (Construção).

A partir de Recursos como Madeiras e Pedras é possível criar Equipamentos de Construção (por exemplo, o Martelo), daí por diante são muitas possibilidades. Desde criar Lanças (para Caçar ou Explorar) e Fortalezas (para se abrigar e passar a noite), até Fogueiras (para combater o frio) e Jangadas/Barcos (para explorar o Mar).

OBS: A construção de Baús para guardar Itens e Recursos é extremamente importante, muita atenção também nas Roupas (Armaduras) do Personagem, portanto, cacem bastante e coletem Peles, Couros e etc. A Workbench (Bancada de Trabalho) é um dos Itens Fundamentais que os jogadores devem construir logo de início, pois, é através dela que se tem acesso aos Vários Esquemas de Construção (Habitações, Armas, Roupas e Ferramentas). Fica a dica!

Como uma coisa puxa a outra, em Valheim temos também o fator dos Níveis. Diferentemente de muitos outros títulos do gênero, o Personagem dos jogadores não tem Nível, no entanto, suas Habilidades sim. Os Níveis sobem de maneira automática conforme as Habilidades são postas á prática, ou seja, quanto mais os jogadores Correrem, mais familiarizado o Personagem ficará com a ação.

OBS: Quase me esqueci de mencionar que o game também permite Domar alguns Animais (Javalis, Lobos e Lox). Deve ter como Domar mais Animais (após o Acesso Antecipado com certeza terá mais opções), porém, só domei estes até agora. Essa é uma Dinâmica muito interessante que serve para os jogadores obterem alguns Recursos (Peles ou Couros) de forma Contínua e Ilimitada. Bom, pelo menos até o momento em que o Animal morrer!

A Beleza Está Nos Olhos de Quem Vê e No Ouvido de Quem Escuta

Valheim não é um game que abusa de Gráficos Incríveis, não mesmo, o foco do pessoal do Iron Gate AB foi trazer uma Experiência de Sobrevivência o mais completa possível (E isso eles conseguiram com grande maestria!). Por tanto, nesse aspecto o game é simples, bonito à sua maneira, mas bem simples. Resumindo, Graficamente esse game não surpreende, não apresenta nada tão diferente do que estamos acostumados a ver no Gênero, mas também não deixa a desejar.

Com relação ao Aúdio do game, essa é uma característica que me agrada muito, os Sons de Ambientes estão muito bem desenvolvidos e apresentam, de forma muito competente, as diferenças de cada Cenário (desde o som das Árvores nas Florestas com suas folhas se balançando ao vento, até o agradável som da água do Mar), bem como os Sons de Interações de Personagens (Caminhada, Saltos, Golpes, Construções e etc). É muito legal!

Simplesmente é um game com um Ótimo Desempenho!

Pontos Fortes e Pontos Fracos

Valheim, que se encontra em fase de Acesso Antecipado, assim como qualquer outro game não é perfeito, ao mesmo tempo em que apresenta acertos como Narrativa/Enredo Interessante, Gameplay Fluída e Áudio Muito Bom, também apresenta erros como Criação de Personagem Muito Simples e Muito Conteúdo Para um Jogador (Jogue com Amigos).

Pontos Fortes

  • Narrativa Interessante.
  • O game conta com “Legendas em Português” mesmo em seu “Acesso Antecipado”.
  • A Gameplay é muito boa e fluída.
  • Jogar com Amigos é incrível (Até 10 Pessoas no mesmo grupo).
  • O Áudio é muito bom.
  • O Fator Procedural (o mundo e tudo nele é gerado de forma aleatória), é simplesmente fantástico.
  • O Mundo Aberto é simplesmente fantástico.
  • As Batalhas de Chefes são Eletrizantes.
  • O Fator Consequência é incrível (todas as ações geram consequências, desde matar Chefes, até Consumir Recursos Naturais). Em uma das minhas Gameplays eu morri porque simplesmente cortei uma Árvore de maneira errada e ela caiu na minha cabeça, hahaha!!!
  • A Experiência de Sobrevivência é incrível.
  • Existe uma Grande Variedade de Recursos, Ferramentas, Construções (Habitações), Armas e Armaduras (Vestimentas).
  • Existe uma Grande Variedade de Biomas Diferentes (Cenários ou Ambientes).
  • O Game é Extremamente Viciante.

Pontos Fracos

  • Criação de Personagens muito simples.
  • Jogar sozinho às vezes pode ser tedioso, uma vez que é muita coisa para uma pessoa só fazer.
  • O game se encontra em fase de Acesso Antecipado, por tanto, será normal se jogadores enfrentarem problemas como Bugs, Queda de Desempenho e Crashes. Particularmente este não foi o meu caso.

Gamerdito (Veredito)

O game Valheim faz jus ao sucesso enorme que vem conquistando, de longe é uma das melhores Experiências que tive o prazer de ter (comparando o ano de 2020 e 2021 até agora). O título chega forte, entregando tudo aquilo que foi prometido e muito mais! São Muitas Horas de Gameplay, Muitos Cenários Diferentes, Jogar com Amigos transforma a Experiência em algo ainda mais fantástico, um Enorme Mundo Aberto e muita Exploração. Sabe aquelas ocasiões onde um estúdio pequeno, recém-formado, e independente consegue surpreender muito (positivamente)? Esta é uma dessas ocasiões! O Iron Gate AB está de parabéns pelo que conseguiu com Valheim!

Para aqueles que gostam de RPG’s, Narrativa Interessante, Gameplay Boa e Fluída, Batalhas de Chefes Eletrizantes e uma Experiência de Sobrevivência como nenhuma outra, esse é o game. Eu recomendo de mais!

Agradecimentos

Nós do site MeuGamer estamos cada dia mais felizes e honrados com as oportunidades que estamos tendo, cada dia mais felizes com o Feedback das Desenvolvedoras e de nosso Público. Sempre fazemos questão de agradecer às Desenvolvedoras que confiam em nosso trabalho e a todos vocês que nos apoiam nessa jornada. Muito obrigado Iron Gate AB e Coffee Stain Publishing por nos fornecer acesso ao game Valheim, em seu “Acesso Antecipado”, de forma antecipada e gratuita, assim sendo possível a realização deste “Review”. Muito obrigado a você que nos acompanha, interage nas Redes Sociais (Twitter e Instagram), no nosso canal no Youtube e sempre está presente. Muito obrigado!

Valheim

Valheim

  • Lançamento: 02/02/2021
  • Plataformas: PC
  • Preço sugerido: Comprar
  • Classificação indicativa: Para maiores de 12 anos
  • Desenvolvimento: Iron Gate
  • Publicação: Coffee Stain
Valheim: Valheim é um game de Mundo Aberto que entrega muito mais do que promete e é Extremamente Viciante. Simplesmente Fantástico!ken_nascimento
9.5
out of 10.
2021-03-04T21:59:09-0300

Gamernéfilos, comente aqui!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.