A SEGA nesta sexta-feira (8) anunciou mudanças na equipe da desenvolvedora Ryu Ga Gotoku Studio, conhecida principalmente por Yakuza e Judgment.

Algum tempo havia rumores que um dos principais criadores dessas franquias estaria deixando a empresa, para ir trabalhar em outra do mesmo ramo. Nagoshi, apesar de não ter confirmado na época, agora está claro, que o diretor de jogos preferiu deixar a Sega depois décadas, na gigante japonesa. A Bloomberg do japão foi a primeira a mencionar sobre sua saída para se juntar a NetEase Inc.. A empresa é um estúdio chinês fundando em 1997, e pretende ampliar seus negócios para parte da ásia e futuramente no ocidente.

O produtor Daisuke Sato, também está deixando a desenvolvedora, porém, não informou quais são seus novos planos. Para o lugar de Toshiriro, Masayoshi Yokoyama foi nomeado para assumir o cargo de chefe da Ryu Ga Gotoku Studio.

Embora, as nomeações tenham sido feitas, a mensagem no site oficial, passa a impressão que a desenvolvedora da saga de Yakuza, não estava preparada por essas duas perdas.

Nossos sinceros agradecimentos aqueles que apoiaram nossos esforços até este ponto. À medida que alcançamos os 10 anos da franquia, a Ryu Ga Gotoku Studio fará a transição para uma nova estrutura.

Eles também reportaram que estão ansiosos para o que o futuro vai reservar para a franquia de Yakuza: Like a Dragon, com uma possível sequência. Além de uma foto institucional chegou a ser publicada na página oficial com o novo quadro de departamento. Confira na imagem, da esquerda para a direita: Takayuki Sorimachi, Yutaka Ito, Ryosuke Horii, Masayoshi Yokoyama, Hiroyuki Sakamoto, Nobuaki Mitake e Daisuke Fukagawa.

A próxima saga lançada pelo estúdio sem os dois principais projetistas da série, e nos revelará quais os rumos que eles seguiram. Gamernéfilos, o que achou da saída dos grandes pensadores e responsáveis pela principal franquia da empresa. Deixe seus comentários.

Você também pode acompanhar o MeUGamer nas redes sociais: Instagram, Twitter, e se inscrever no nosso canal do YouTube.

icon

Gamernéfilos, comente aqui!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.