De acordo com um documento financeiro emitido recentemente pela Microsoft e abordado pelo site AXIOS, os números de assinantes do Xbox Game Pass, não foram tão animadores para empresa como se pensavam. O total de inscrições do Game Pass cresceu apenas 37,48% nos últimos 12 meses, encerrando em junho, com uma porcentagem menor do que estabelecida pela gigante americana, de 47,79%

Continua após a publicidade.

Considerando o ano fiscal anterior a Microsoft conseguiu no mesmo prazo de 12 meses, em junho de 2020, um crescimento de 85,75%, superando a meta de um aumento de 71%.

Devemos considerar que nos anos que sucederam o cenário atual não havia total influência da pandemia. A Microsoft criou inúmeras campanhas promocionais, como reduzir o valor da assinatura durante 3 meses em vários locais do mundo. Bem como, novos usuários para assinar o primeiro mês por um valor simbólico. Já em 2021, essas iniciativas foram menores, porém, com uma estratégia maior focada em parcerias com estúdios de terceiros. A Electronic Arts, que tem liberado seu catálogo para o Xbox Game Pass. Mas removido muitos jogos da versão PC do seu EA Play, o que causa desconforto para seus assinantes.

O Xbox Game Pass foi lançado em junho de 2017, e demorou 3 anos para ganhar popularidade no mercado global. Atualmente, é um dos grandes responsáveis pela adesão e aceitação dos consoles da Microsoft na Ásia. Visto que, o Series X|S, conseguiu alcançar as vendas em 10 meses, em relação ao One (de 4,5 anos), no Japão. No último, relatório informado pelo CEO Satya Nadella em janeiro, assinaturas eram de 18 milhões em contas ativas.

Embora, o documento relate que as metas de crescimento de desempenho da empresa, não ser vinculadas somente no Game Pass. No entanto, são estipuladas para medir o aumento da recepção de seus jogos e vendas.

“Por razões competitivas”, diz o documento da Microsoft, “as metas e os resultados são expressos em termos de crescimento ano a ano”, em vez do número real de assinantes.

Vale lembra que, Nadella em julho através de uma conferência online com acionistas, ele relatou que o serviço estava “Crescendo rapidamente”, gerando consumo para jogadores ativos maiores que os não-membros do serviço.

Esta semana, informei sobre a queda de preços em países como a Índia, onde os usuários poderiam assinar o Ultimate, por 8 meses pagando só Rs 699, equivalente a R$51,35 reais.

Com a proposta, de oferecer novos serviços e utilizando a versão Xbox Cloud Gaming para PC, esse número para o próximo ano em assinantes deverá crescer. Os usuários podem acessar o console pelo PC, utilizar em seus dispositivos móveis, e também pelo navegador Web. Sua biblioteca contém mais de 100 jogos, entre títulos do Xbox Game Studios e parceiros, e vem buscando outras parcerias.

Agora, devemos aguardar quais campanhas a Microsoft vai agir, para elevar o número de assinantes.

Ontem, foi anunciado que Dragon Ball Fighterz chegará ainda este mês ao serviço, entre outros jogos.

Gamernéfilos, confiam no crescimento do Game Pass ou as assinaturas chegaram no limite. Deixe seus comentários abaixo.

Ao virar membro do serviço de assinatura do Xbox, você terá acesso a diversos jogos como Gears 5, Halo, Forza Horizon, Minecraft, e resgatar jogos do Games With Gold. Com um total de mais de 100 jogos para escolher quais deseja baixar e jogar. Não ficou satisfeito? A Electronic Arts, através de uma parceria com a Microsoft, liberou sua biblioteca de jogos do EA Play para os membros de PC e console. Com mais de 70 jogos e franquias de peso para os amantes dos games passar horas jogando.

Os novos usuários pagam apenas R$ 5,00 no primeiro mês. No plano Ultimate, o usuário também tem acesso ao Xbox Cloud Gaming.

O MeUGamer pode receber uma pequena comissão caso opte por assinar através da nossa indicação

Gamernéfilos, comente aqui!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.